Select a page

Metal-free: IPS e.max

IPS e.max é um inovador sistema de cerâmica pura que cobre todas as indicações de cerâmica pura – desde facetas finas até pontes com dez elementos.

IPS e.max apresenta materiais altamente estéticos e resistentes para as tecnologias CAD/CAM e de Injeção. O sistema consiste de uma nova cerâmica vítrea de di-silicato de lítio, usada principalmente para as restaurações unitárias e de um óxido de zircônio, altamente resistente, para pontes de grande extensão.

Cada situação de paciente compreende suas próprias exigências e seus próprios objetivos. IPS e.max satisfaz todas as exigências. Devido aos dois componentes do sistema, você poderá obter exatamente tudo aquilo que necessita.

– Os componentes para a tecnologia de INJEÇÃO incluem as altamente estéticas pastilhas de cerâmica vítrea de di-silicato de lítio IPS e.max Press e as pastilhas de cerâmica vítrea de fluorapatita IPS e.max ZirPress para a posterior e eficiente técnica injeção sobre óxido de zircônio.

– Conforme as exigências de cada caso, dois tipos de material estão disponíveis para as técnicas CAD/CAM: os inovadores blocos de cerâmica vítrea de di-silicato de lítio IPS e.max CAD e o altamente resistente óxido de zircônio IPS e.max ZirCAD.

– A cerâmica de estratificação de nano-fluorapatita IPS e.max Ceram, que é utilizada como material de estratificação e de caracterização para todos os componentes IPS e.max, sejam cerâmicas vítreas ou cerâmicas de óxidos, completa o sistema IPS e.max. IPS e.max CAD

As cores e os níveis de translucidez dos blocos IPS e.max CAD estão baseados na amplitude de alcance do sistema de cores IPS e.max.O sistema possui uma configuração flexível e pode ser usado em conjunto com as escalas de cores A-D, Chromascop e Bleach BL. As cores das pastilhas de injeção e dos blocos CAD/CAM, oferecidos no Sistema IPS e.max, são coordenadas entre si. Eles estão disponíveis em diferentes níveis de opacidade e/ou translucidez. A seleção do nível de translucidez está baseada nas exigências clínicas (cor do dente preparado, cor desejada do dente) apresentadas pelo paciente e na desejada técnica de confecção (técnicas de estratificação, “cut-back” e de maquiagem). Os blocos mais opacos HO (somente IPS e.max Press) e os blocos MO são particularmente adequados para a técnica de estratificação, enquanto que os blocos mais translúcidos LT e HT são usados para a técnica de “cut-back” e também para a técnica de maquiagem.

Determinação da Cor – Cor do Dente, Cor do Dente Preparado

Uma ótima integração na cavidade oral do paciente é o pré-requisito para uma restauração natural de cerâmica pura. Para obter isto, as seguintes normas e notas devem ser observadas pelo dentista e pelo laboratório dental.

O resultado estético final de uma restauração de cerâmica pura é influenciado pelos seguintes fatores:
• Cor do preparo (preparo natural, núcleo fundido, pilar de implante, implante)
• Cor da restauração (cor da estrutura, faceta, caracterização)
• Cor do material de cimentação

O efeito óptico da cor do preparo não deve ser subestimado durante a fabricação de restaurações altamente estéticas. Por esta razão, a cor do preparo deve ser determinada junto com a desejada cor do dente, para a seleção do bloco adequado. Especialmente para os preparos severamente descoloridos ou para os núcleos fundidos, onde a cromatização é quase sempre diferente daquela apresentada pelo dente, isto é de extrema importância. Assim, somente quando o dentista determinar a cor do preparo e transmitir esta informação para o laboratório, a desejada estética poderá ser obtida na forma pretendida.

Normas para o Preparo de Cavidades

O sucesso dos trabalhos efetuados com IPS e.max CAD poderá ser assegurado somente quando as exigidas normas e espessuras mínimas forem rigorosamente observadas.

Normas básicas de preparos para restaurações de cerâmica pura

– sem margens e ângulos afilados.
– preparo de ombro com margens internas arredondadas e/ou preparo com chanfro.
– as dimensões indicadas devem respeitar as espessuras mínimas para as restaurações de IPS e.max CAD.
– A margem incisal do preparo, particularmente nos dentes anteriores, deve ser, no mínimo, de 1,0 mm